sexta-feira, abril 09, 2004

PRODUZIR HIDROGÉNIO SEM DIÓXIDO DE CARBONO


Um consórcio japonês prepara-se para testar um novo sistema de produção de hidrogénio sem emissão de gases com efeito de estufa. Para tal, recorre a energia hidroeléctrica, em detrimento dos combustíveis fósseis.

O veículo a pilha de combustível FCX , da Honda, vai participar num teste que terá início este mês, na ilha de Yuakushima, no âmbito do quadro Projecto Emissão Zero.

Os fabricantes de automóveis concorrem para a construção de um veículo realmente ecológico, mas os métodos clássicos de produção de hidrogénio produzem dióxido de carbono, um dos gases responsáveis pelo aquecimento global.

No entanto, nesta nova experiência, o hidrogénio será produzido por electrólise da água, usando a electricidade produzida numa central da ilha, onde existem diversas cascatas.

O Honda FCX foi o primeiro veículo com célula de combustível do mundo certificado pelo California Air Resources Board (CARB) e a U.S. EPA, com ambas as agências governamentais a certificá-lo como Veículo com Zero Emissões (ZEV- Zero Emission Vehicle).

Ao utilizar o hidrogénio fornecido por uma célula de combustível para gerar electricidade e fornecer energia ao motor eléctrico, o FCX conta com uma potência máxima de 80 cavalos e um binário de 272 Nm, a aceleração é similar a um Honda Civic. Este modelo pode percorrer até 355 quilómetros sem paragens para reabastecimento e tem capacidade para quatro pessoas, tornando-o prático para uma vasta gama de aplicações do dia-a-dia. Os funcionários da Câmara Municipal de Los Angeles utilizarão os veículos no trabalho e para as viagens diárias entre casa e emprego. A Câmara Municipal e a Honda estão a finalizar os planos sobre sistemas de suporte de reabastecimento para fornecer hidrogénio aos veículos.

«Este veículo está pronto para utilização prática», disse Tom Elliott, vice-presidente executivo da American Honda. «A utilização de veículos com células de combustível ajudar-nos-á a avaliar estes veículos e os combustíveis, com os nossos clientes. Ajudar-nos-á também no desenvolvimento da infra-estrutura necessária de reabastecimento para apoiar os clientes de veículos a hidrogénio».

A marca nipónica pretende alugar cerca de 30 veículos com células de combustível na Califórnia e no Japão durante os próximos dois a três anos. No entanto, a empresa não tem actualmente planos para vendas de veículos com célula de combustível para o mercado de massas ou vendas particulares.
Iniciada a investigação da célula de combustível em 1989 pelo construtor japonês e com veículos de teste nos Estados Unidos e no Japão desde 1999, a Honda tem uma longa história de liderança ecológica no sector automóvel, iniciada em 1975 quando o Honda Civic CVCC foi o primeiro veículo a cumprir a norma californiana de emissões “Clean Air Act”.

Desde então, foi a primeira empresa a comercializar um veículo a gasolina (Civic) que cumprisse a norma do veículo com emissões reduzidas (LEV) nos 50 estados e a primeira a comercializar um veículo a gasolina que cumprisse a norma Ultra Low Emission Vehicle (ULEV) e, subsequentemente, a norma “Super” ULEV do Estado da Califórnia (Accord).

A Honda foi a primeira empresa a vender, nos Estados Unidos, um automóvel “híbrido” a gasolina-electricidade – o Insight – e no início deste ano lançou o Civic Hybrid, o primeiro automóvel com tecnologia híbrida de grande volume. O Civic GX, um veículo a gás natural, é o primeiro e único automóvel certificado para as normas EPA (SULEV, Tier 2, Bin 2).

1 Comments:

At 8:30 da tarde, Blogger Grupo 2 said...

Parabens o vosso blog esta espectacular. Nos estamos a desenvolver um veiculo urbano movido a hidrogenio. visitem: http://urbanh2.blogspot.com/

 

Enviar um comentário

<< Home

Comunidade Portuguesa de Ambientalistas
Ring Owner: Poli Etileno  Site: Os Ambientalistas
Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet